Yoga

Yoga – tradicional atividade originária na Índia tem como papel fundamental o desenvolvimento integrado do corpo, da mente e do espírito. Com a prática da ioga, desenvolvem-se as funções psicomotoras e a sensibilização corporal. Vários estudos têm comprovado os benefícios do ioga e quando se trata desta prática por pessoas com deficiência intelectual, pode-se ressaltar que os resultados positivos vão desde a melhora da circulação sanguínea, desenvolvimento e melhora das funções nervosas e musculares, além do desenvolvimento de faculdades mentais. A atividade proporciona, em suma, o cuidado harmonioso contribuindo com a saúde e com a disciplina mental.

Atenta a isso, e já no seu segundo ano de atividade, a Casa de David, incluiu em suas atividades terapêuticas as aulas de ioga para seus assistidos.

Tem-se trabalhado o eixo de postura, equilíbrio, respiração, concentração e relaxamento, e mesmo com as limitações patológicas, as respostas estão sendo rápidas e positivas.

A oportunidade de inclusão da atividade na instituição surgiu através dos voluntários Hector Hungria, Luiz Montini e da americana Subagh Kaur Khalsa. Eles praticam e ministram aulas de Kundalini Yoga, para os pacientes; Segundo a Coordenadora de Comunicação da Instituição, Cleize Bellotto, apesar do pouco tempo de prática, as alterações positivas nos assistidos são perceptíveis no que diz respeito às mudanças de humor, concentração; desenvolvimento de capacidades físicas como equilíbrio e flexibilidade; além de diminuição da agressividade e a ansiedade das pessoas com deficiência. “A assiduidade e a participação deles nas aulas é impressionante. Principalmente a participação dos assistidos com autismo grave. Os pacientes cadeirantes e os Deficientes Intelectuais também participam de forma espetacular. Todos os dias nos deparamos com situações de melhoria de convivência entre eles, sobretudo de surtos, que deixam de acontecer por causa da atividade.”

Atualmente, cerca de 50 assistidos participam da atividade que acontecem todas as quintas-feiras na instituição.

 

Paralelo as atividades de Yoga, a Casa de David desenvolve uma pesquisa sobre a influência da prática de Kundalini Yoga na qualidade de vida de Pessoas com Deficiência Intelectual. Este estudo tem por objetivo compreender como as aulas de Kundalini Yoga podem interferir na qualidade de vida dos assistidos pela Instituição, já que a sociedade atual preconiza a saúde como uma das expectativas naturais do ser humano para uma qualidade de vida razoável. Esse é um assunto pouco explorado e discutido no Brasil e em outros países por se tratar de um estudo sobre a pratica de Yoga com pessoas com Autismo e Deficiência Intelectual.

 

Para mais informações, envie uma mensagem, utilizando o formulário abaixo:

Seu nome*

Seu e-mail*

Assunto

Sua mensagem