Mídia

Autismo: Atividade física é rotina dos autistas abrigados na Casa de David

Compartilhe:

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Saúde e bem estar aliados à educação física no atendimento aos autistas é prioridade para os profissionais da Instituição.

 A Casa de David Unidade II, sediada em Atibaia, abriga e cuida de 108 pessoas com Transtorno do Espectro Autismo com nível de comprometimento elevado, ou seja, aqueles que necessitam de internação. Hoje ela é pioneira no país no abrigamento em residências terapêuticas.

Natação, terapia ocupacional e educação física, fazem parte da rotina de atividades que proporcionam melhores condições de vida para os assistidos.

No último mês a Instituição recebeu como doação do Consulado da Austrália uma academia, substituindo a já existente por aparelhos mais modernos para melhor prática e desenvolvimento físico, mental  e emocional dos autistas.

“Participam ativamente 41 autistas das atividades aeróbicas, e os benefícios são socialização, melhora da circulação, melhor disposição para a rotina saudável no dia a dia, além de terem um sono mais tranqüilo Em longo prazo, espera-se que tenha diminuição de peso, fortalecimento muscular e controle de hipertensão”, relata Rafael Bittar , Educador físico da Casa de David.

E para proporcionar mais lazer são realizados passeios, sessões de cinema e pique nique. “Uma tarefa simples como estender a toalha na grama para um lanche faz muita diferença”, comenta Josiane Braz, Coordenadora Assistencial da Casa de David.

Pessoas com esta síndrome necessitam de atividades diárias e é isto que a Casa de David vem trabalhando, com terapias e atividades que estimule, a área cerebral, controlando sintomas e a agressividade.

Dia 02 de abril é o Dia Mundial de Conscientização do Autismo, data que serve para chamar a atenção da sociedade sobre este transtorno que afeta cerca de 70 milhões de pessoas no mundo, e a Casa de David hoje é referência neste atendimento.

Deixe um comentário